The Wall, incompreensivelmente subestimado

Na sequência da série “Grandes Bandas Incompreensivelmente Não Reconhecidas”, o Factor Zero fala hoje do The Wall, grupo de Sunderland, cidade de cerca de 300 mil habitantes no noroeste da Inglaterra e mais famosa pelo time de futebol local. É também a terra natal do Toy Dolls.

Mas, com certeza, a melhor banda punk que já apareceu por lá foi o The Wall. O grupo foi em 1978 pelo guitarrista e vocalista Ian Lowery, ao qual se juntaram o baixista e vocalista Andy “Heed” Griffiths, o guitarrista John Hammond e o baterista Bruce Archibald.

wallo_1980O primeiro single, New Way, foi lançado em 1979 . Uma verdadeira pérola do punk britânico, com três músicas: a que dá título à bolacha, mais Suckers e Uniforms. O disco, pela Small Wonder, na época um dos mais importantes selos independentes do Reino Unido, foi muito bem e Sunderland ficou pequena para o Wall, que mudou-se então pra Londres. Aí começou uma sucessão de mudanças na formação. A primeira foram as saídas de Hammond e Archibald, substituídos, respectivamente por Nick Ward e Rab Fae Beith.

No mesmo ano, lançaram mais um compacto, ainda melhor que o primeiro e produzido pelo ex-Sex Pistol Steve Jones, com as faixas Exchange e Kiss the mirror (clássica, clássica!)Depois deste compacto, Ian Lowery deixou o grupo pelas eternas diferenças musicais. Apesar de ter sido fundador da banda, foi sumariamente despedido por querer fazer um som mais trabalhado!

Para a vaga de Lowery foi recrutado Ivan Kelly, ex-Ruefrex. Essa nova formação começou com o excelente EP Ghetto, produzido por Jimmy Pursey. Em 1980, enfim sai o primeiro LP, Personal Troubles & Public Issues, também com produção do vocalista do Sham 69. No LP, a banda tornou-se um quinteto com a adição de Andy “Andzy” Forbes, ex-guitarrista do Straps, outra banda clássica da época.wall_pic3

Pouco depois do lançamento do primeiro álbum, Ward e Kelly debandaram e o The Wall passou a ser um trio, com Rab na bateria, Heed na guitarra e Andzy no baixo e no vocal. Com essa formação excursionaram com o Stiff Little Fingers e tornaram-se bastante conhecidos na época.

Depois da tour, a baixista Claire Bidwell, ex-The Passions, assumiu o contrabaixo e Andzy passou a ser apenas vocalista. O quarteto gravou o segundo LP, Dirges & Anthens, pela Polydor, em 1982. Neste disco aparece também um guitarrista chamado Bazz. No mesmo ano lançam ainda o LP Day Tripper, acompanhado de um compacto de 7″, com mais quatro músicas. Foram os últimos registros da banda em vinil. Em 1983, o grupo acabou.

wall1a

O interessante é que apesar de tantas mudanças na formação, tudo o que o The Wall gravou é de ótima qualidade. Punk rock bem tocado, com letras politizadas e muita criatividade. No entanto, nos dois últimos álbuns há faixas com pegada mais pop ou comercial. Todos estes discos são bastante raros e não saíram em CD. Em 2005, a Captain Oi Records, um selo que tem resgatado pérolas dos anos 70 e 80, reuniu os compactos (menos os da Polydor) na coletânea Punk Collection, com 20 faixas de todas as fases do The Wall.

Baixe aqui os singles. Os álbuns estão nos links a seguir Personal Troubles & Public IssuesDirges & AnthensDay Tripper

 

Curiosidades

  • Depois do WALL, Ian Lowery formou o Ski Patrol, uma das mais respeitadas e lendárias bandas pos-punk da Inglaterra. O baterista Bruce Archibald também participou do início desta banda, mas a deixou para estudar. Após o Ski Patrol, Lowery se juntou ao The Folk Devils, de 82 a 87. Depois disso, formou o King Blank, com o qual fez algum sucesso no Reino Unido. A partir de 89, iniciou carreira solo e lançou o álbum King Blank. Participou ainda de várias nadas, porém, faleceu em 2001 . Em 2014, a Spectable Records lançou duas coletâneas (Get Out The Sun e Ironic) com material gravado na última década de vida de Lowery. 
  • Antes do WALL, Rab Fae Beith fez parte do The Pack, banda que originou o tenebroso Theatre of Hate. Depois, tocou com o UK Subs nos discos Huntington Beach In Action, dos quais também foi o produtor. A,bos os álbuns saíram por seu selo, a RFB Records. Huntington Beach foi o único LP (vinil) dos Subs lançado no Brasil.
  • Em 2007, sete ex-integrantes do grupo se reuniram para um revival no Blackpool Rebellion Festival.

Um comentário em “The Wall, incompreensivelmente subestimado

  1. Mais uma Belo TEXTO! Se não me engano, Rab Fae Beith era o dono da Small Wonder records. Tenho uma coletânea da gravadora boa; Ménace , The Wall, Carpettes, The Cravats, Cockney Rejects, Demom Preacher, Puncture entre outras muito boas

    Curtir

Sua opinião é importante

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Send Back My Stamps!

Metal History Through Fanzines

Almanake da Nemeton Kieran

... falando um pouco de tudo...

Sequela Coletiva

Blog dos sequelados para postagem de idéias e impressões a respeito de praticamente tudo

PEQUENOS CLÁSSICOS PERDIDOS

A MÚSICA NOS MOVE!

The File Cabinet Of Curiosities

A Vernacular Culture Compendium (which may exceed a single file cabinet), presented by the Conglomerated League of Folklore Inquirists, Affiliate No. 67, under the Charter of the Int. Committee for Folkloric Knowledge, Enhancement, and Preservation.

Reclaiming History: An Archive of Black Hardcore and Punk

Photographs, Flyers, and Zine Clippings that Color Between the Lines of History

juveniledelinquentmusic

Hi NRG ROCK'N'ROLL!!!!!!!!!!!!!!!

Magic Pop

rock and roll media

PBPR

Paperback Punk Rock

The Coming Anarchy

Indian Anarchist Federation's Blog

Liberty and Anarchy

Anti-State, Anti-War, Pro-Market

Anarchy Action

Anarchy Action

What's So Special About Music Anyways?

Witty opinions on great music

Which Side Are You On? A History of Punk Politics

A Visual Archive of Punk-Related Socio-Political Events

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close